sexta-feira, 15 de maio de 2015

Cadeira Conceito


Nome da Peça: Cadeira Conceito
Status: Peça disponível em estoque. 
Observação: Podemos fazer outra peça por encomenda com modificações a gosto.
Valor: R$ 500,00 + FRETE
Formas de Pagto: Parcelamos em até 6 Vezes no Cartão s/ Juros
Operadora: Pag Seguro Uol
Dimensões: 45cm (Largura) x 75cm (Altura) x 45cm (Profundidade)
Peso: 10k
Matéria Prima: Madeira maciça reciclada (Cedrinho)
Biblioteca 3D SkechUp: Download do Modelo AQUI!!!

Frete: Enviamos pelos Correios (custo à parte). Para o cálculo levamos em consideração as medidas e o peso da peça embalada que dependendo do caso pode ir desmontada com manual de instrução. Enviaremos o cálculo ao seu e-mail conforme a modalidade de serviço dos Correios que você escolher (SEDEX ou PAC). 

Como comprar: Entre em contato conosco pelo e-mail marianointeriores@gmail.com para tirar dúvidas, enviar dados cadastrais, calcular frete e enviar o link do PagSeguro para você efetuar o pagamento. Conforme a compra seja aprovada pelo PagSeguro e este enviar a confirmação para nossa empresa, postaremos a peça nos Correios. Só depois que a entrega for efetuada e comprovada que o PagSeguro irá repassar os valores à nossa empresa. Você poderá a qualquer momento contestar junto à nossa empresa e/ou ao PagSeguro a compra conforme as próprias regras da operadora. 
Saiba mais sobre o PagSeguro aqui: https://pagseguro.uol.com.br/comprar/ 
Maiores informações favor enviar suas dúvidas ao nosso endereço de e-mail ou ligar para (11) 9 8392 - 3155 - TIM (Falar c/ Mariano).


Vocabulário:

Design, Marcenaria, Artesanal, Arte, Tradicional, Despojado, Improviso, Sustentabilidade, Reciclagem, Demolição, Provocação, Desafio, etc.


Processo Criativo:

Esta peça foi criada à partir de um debate num fórum de design & marcenaria onde a turma passou a duvidar da minha capacidade dentro do âmbito da marcenaria tradicional, ou seja, trabalhar com madeira maciça e encaixes. Pois bem... Aceitei o desafio e criei esta cadeira conceitual que é uma verdadeira hipérbole de encaixes, usei até rabo de andorinha. hehe







Material disponível:

Há mais de 8 anos atrás fiz as gôndolas novas de uma quitanda aqui de Santo André e acabei ganhando as gondolas velhas que eram de madeira maciça semi-rústica (cedrinho). Os anos se passaram e nada de eu conseguir vender as gondolas e elas acabaram ficando e viraram bancadas, mas depois desmontei tudo para ganhar espaço e guardei os caibros.




Já esta peça andei guardando por mais de 10 anos... Foi uma tampa de baú feita com uma folha pré-composta da Sayerlack, acho que era a tal de espinha de peixe, uma das mais caras por sinal, mas a cliente achou que ficou muito fantasiado o quarto dela e pediu pra eu mudar o tampo para Marfim Linheiro total. Fiquei com dó da peça, embalei e guardei.



Execução passo a passo:

Na verdade esta peça foi criada à partir do material disponível. Olhei para os caibros e fiz um rascunho. Depois passei a ideia para o computador e comecei a trabalhar os encaixes. 













Uma das maiores provocações desta peça é a posição do encosto e o espaço disponível para o assento. Eu sentei na cadeira e fui inclinado o encosto até encontrar a posição mais confortável... E para o meu próprio espanto este foi o resultado:


Meu amigo Sérgio Junior aprovou! hehehe

Eu fiquei surpreso com o conforto da peça e o resultado estético da mesma.

Mais uma peça para a coleção de doideras. hehehe



Acabei fazendo encaixe para duas posições de encosto, uma para agradar os olhos e outro para agradar as costas. 


Como sempre utilizamos as cobaias disponíveis para testar nossas maluquices. hehehe
A Duda, filha do meu amigo Adriano adorou a peça, mas na hora de tirar a foto ela queria sair correndo. kekekeke


Não contente peguei a maquininha do Sérgio e mandei ver fazer um acabamento inusitado na peça deixando-a toda abaulada.








Depois de um mês apareceu um serviço que ia ser envernizado com PU, aí eu aproveitei a sobra do verniz e mandei ver finalmente finalizando a peça.


Já o acabamento do assento fica assim mesmo seguindo uma forte tendência atual dos móveis desenhados por arquitetos onde o efeito despojado dos topos aparentes do compensado ficando à mostra reina absoluto.

A próxima versão desta cadeira pretendo fazê-la bem maior para atender a qualquer tipo de usuário, mas várias pessoas encorpadas sentaram nela e mesmo assim a acharam confortável.


Luiz Mariano (Designer & Marceneiro)



Oferecimento: